Nublado
Ashburn, USA
A+ A A-

Oferecimento

Chefe da quadrilha de caça-níqueis é preso em Nova Friburgo, no RJ

Por  | Para: CBN Foz
R$ 115 mil em dinehiro foi apreendido em Nova Friburgo (Foto: Polícia Federal/Divulgação)R$ 115 mil em dinehiro foi apreendido em Nova
Friburgo (Foto: Polícia Federal/Divulgação)

Após denúncia do  Ministério Público Federal (MPF), a  4ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro expediu 28 mandados de prisão preventiva e 47 de busca e apreensão, cumpridos nessa terça-feira (17) pela Polícia Federal, com apoio da Polícia Militar e da Corregedoria Geral Unificada da Secretaria de Segurança do Estado do Rio de Janeiro. A ação aconteceu em Nova Friburgo e Cachoeiras de Macacu, Região Serrana do Rio.

A denúncia do MPF era contra uma organização criminosa responsável pela exploração de caça-níqueis sediada em Nova Friburgo (RJ), com ramificações em Cachoeiras de Macacu (RJ). A quadrilha recebia máquinas de uma fábrica em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense.  A quadrilha era comandada em Nova Friburgo por Sávio Silva Oliveira, conhecido como "Savinho das Maquininhas", segundo a denúncia do MPF.

Sávio já havia sido condenado em 1ª instância por outros crimes similares, ao manter ilegalmente um bingo em Nova Friburgo - onde existiam mais de 160 Máquinas Eletronicamente Programas (MEP's) - e colocá-lo em nome de laranjas. O acusado aguardava o recurso em liberdade. Também integravam a quadrilha um policial militar locado no 11º BPM de Nova Friburgo, Unaldison Cosme Batista de Souza Filho, e um policial civil, Paulo Roberto Bueno, também denunciados pelo MPF por facilitação aos 118 crimes de contrabando imputados aos demais réus.

Ao todo 24 pessoas foram detidas e na casa de Sávio, na Rua Maria José Dutra de Castro, no bairro Vale dos Pinheiros, R$ 115 mil apreendidos.

O nome da operação “Brasiléia” foi inspirado no nome da cidade suíça onde existe um grande cassino, Basiléia, aludindo ao apelido de "Suíça brasileira" da cidade de Nova Friburgo, onde foram apreendidas mais de 800 MEP's nos últimos anos. A exploração destas máquinas é proibida, por serem feitas com peças de importação ilegal para jogo de azar e caracteriza crime equiparado a contrabando.

Bingo em Nova Friburgo
Em agosto deste ano, o MPF já havia condenado os responsáveis pela operação do bingo Caledônea, que funcionava ilegalmente no Centro de Nova Friburgo. Os réus Sávio Silva Oliveira, Wilton Marqui, Carlos Alberto dos Santos Mattos e Davi da Silva Nunes foram condenados por contrabando e falsidade ideológica.

Segundo a ação do MPF, Sávio Silva Oliveira era o principal dono do bingo e responsável pela exploração ilegal de máquinas eletrônicas. Ele também é acusado de utilizar laranjas e planejar alterações contratuais da empresa que administrava o bingo (Only Play Friburgo Diversões Eletrônicas Ltda) para ocultar sua participação no esquema. Ainda de acordo com o MPF, em uma das alterações contratuais, Sávio saiu da sociedade de forma fictícia, sendo substituído por seu pai, Vicente de Paulo Oliveira (já falecido).

O bingo foi fechado em 2006 através de uma liminar obtida em ação civil pública também proposta pelo MPF. No fechamento, foram apreendidas 163 máquinas caça-níqueis e, de acordo com laudos periciais, alguns componentes das máquinas eram de origem estrangeira, o que é proibido pela Receita Federal.


Adicionar comentário

Importante: O conteúdo postado neste espaço é de responsabilidade do autor.


  1. Últimas
  2. + Lidas
 

Rádio Comunicadora de Foz do Iguaçu Ltda - AM 1320 KHz - Avenida Paraná, 201 - CEP 85857-970
Site melhor visualizado em 1100x1800. Atualize seu navegador para uma melhor experiência de navegação em nosso site
CBN Foz