CBN Foz

Versão clássica Login

Oferecimento

Acidente deixa dois mortos na BR-277 entre Cascavel e Foz do Iguaçu

Por  | Para: CBN Foz

Na tarde desta quinta-feira (04), por volta das 13h15, um grave acidente foi registrado na BR-277 nas imediações do município de Céu Azul, na área de jurisdição da delegacia da Polícia Rodoviária Federal em Foz do Iguaçu.

acidente3 040713

De acordo com as informações do inspetor Malysz, por volta das 13h15, os policiais foram acionados para atendimento a uma ocorrência de colisão no Km 622,5, nas proximidades da praça de pedágio e da lanchonete Pepinão.

No local, constataram que o condutor e a passageira de um Fiat Tipo com placas de Curitiba, identificados como Miguel Ferreira de Souza Sobrinho, 37, e Maria de Fátima Ribeiro, 35, faleceram de maneira instantânea com o impacto da batida contra um veículo Scania, do tipo cegonha, que trafegava pela pista contrária.

Aos policiais, o motorista da Scania, Thiago Amilton Bezerra, relatou que "o veículo Tipo teria saído de sua mão de direção e ido para a pista contrária, sem motivo aparente, vindo a colidir frontalmente contra a carreta".

Ainda segundo o caminhoneiro, que não ficou ferido no acidente, não foi possível reagir a tempo para jogar a carreta para o acostamento e evitar a colisão. Os corpos das vítimas foram encaminhados ao Instituto Médico Legal na cidade de Cascavel.

acidente1 040713

acidente2 040713

Atualizado em
Tópico

Comentários  

 
felipe
+1 # felipe 23-07-2013 15:08
DUPLICAÇÃO PELA VIDA!!
Responder | Denunciar
 
 
Elísio Gomes Filho
+1 # Elísio Gomes Filho 07-07-2013 09:59
Quantos brasileiros são mortos por dia, por mês e por ano nas rodovias federais que não são duplicadas? Os números de mortos, é altíssimo e deveriam àqueles que têm o poder de mudar esta situação absurda e lamentável. Modernizar as rodovias federais, a exemplo da BR-277, o governo passaria a tirar das garras da morte, milhares de brasileiros que morrem todos os anos no asfalto, uma vez que existe uma estreita relação entre adequadas condições estruturais rodoviárias e menos acidentes fatais. É preciso que a sociedade brasileira saiba, que a maior parte das mortes no trânsito ocorre nas rodovias e não nas vias urbanas, uma vez que os acidentes nas rodovias são muito violentos em decorrência das colisões frontais ou laterais, provocando mais mortes e ferimentos graves. Acontece que as rodovias de pista simples, sempre haverão de potencializar a ocorrência de acidentes motivados pela imprudência e por outras causas. Assim, duplicar as rodovias federais, muitas das quais chamadas de "rodovias da morte" é uma questão de vida e morte, mas infelizmente vivemos em uma cultura que não privilegia a prevenção. Em suma, o letal e macabro sistema rodoviário brasileiro, promove a violência institucional contra a cidadania, contra a preservação da vida! A sociedade brasileira não está mais disposta a silenciar sobre isso!(President e da Apavarf)
Responder | Denunciar
 

Adicionar comentário

Importante: O conteúdo postado neste espaço é de responsabilidade do autor.


twn A versão Mobile é a indicada para seu dispositivo, caso confirme, será direcionado para versão clássica